Uncategorized

Marie Antoinette

(Foto tirada ontem, em pastelaria Bracarense)

Porque se importam tradições de outros países para as massificar?

Não gosto!

Assim quando for novamente e Paris, a magia e o encanto de comer macaron na confeitaria Ladurée, na Place Vendôme, vai desaparecer!

Os macaron devem estar em Paris, onde pertencem!

Não gosto de Muffins e Cupcakes nas pastelarias Portuguesas, gosto deles em Nova York!

Os produtos só se mantêm especiais se permanecerem junto das suas origens, caso contrário, ao serem massificados perdem valor e interesse.

Pois, mas podem dizer: “E aqueles que não viajam, ficam privados de tais prazeres?”

Essa questão fazia sentido no séc. XX. Hoje toda a gente consegue viajar a preços baixos e mesmo que não possam, não sabe bem, receber as lembranças especiais dos amigos que viajam? Se as tivermos cá… vai parecer que as compraram na loja da esquina, á pressa porque se lembraram de nós só quando chegaram ao aeroporto do Porto.

Quero ir a Paris, comer macaron e só ai, lembrar-me de Marie Antoinette!

Standard

2 thoughts on “Marie Antoinette

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s